UGG by Jeremy Scott

Mais Pop é ímpossível!

DriveNow chega a Lisboa

O Carsharing no seu puro estilo.

A Bershka lança linha de estacionário

Mesmo a tempo do regresso às aulas ... já conhecem?

Mercees Maybach 6

O Novo luxo descapotável

Uma Núvem Arquitetónica

Mais uma obra de excelência com uma assinatura genial!

ERA UMA CASA GEOMETRIZADA


O arquitecto Fran Silvestre partilhou o seu mais recente projeto, a "House in Brussels", um projeto residencial localizado na Bélgica. Concebido como uma extensão para uma propriedade de tijolos de dois andares com um telhado de ardósia, cria-se assim um novo edifício, que estabelece a sua própria identidade contrastante sem parecer fora de lugar ligado ao existente.



A resposta de Silvestre era usar um formulário de telhado angular que continua com a linha de telhado existente, colocando ênfase na geometria. Um único material foi escolhido para o telhado e o corpo, de forma a esbater as bordas e os limites entre eles.


Os interiores são articuladas em torno da escadaria central. No piso inferior, a garagem é adjacente à parede do imóvel, enquanto a cozinha está ligada à fachada cega, deixando o espaço entre elas que atinge tanto a rua e jardim. No andar superior, os quartos estão situados perpendicularmente aos espaços abaixo, dando assim maior privacidade, estando virados para o jardim em vez da rua.


Esta organização conseguiu desenvolver uma resposta assertiva relativamente à tipologia existente, enquanto se adapta ao estilo de vida dos habitantes.

SAVANNAH, A PAIXÃO ESCANDINAVA


A designer sueca Monica Förster fez parceria com a marca Erik Jørgensen para criar uma mesa de café para ser acrescentada à sua linha de estar Savannah.


As mesas Savannah ecoam a estrutura de madeira delgada dos sofás e cadeiras, que foram projetados por Förster para a empresa há um ano atrás. O mobiliário assenta em quatro pernas ligeiramente espalhadas, que suportam uma parte superior de forma oval sólida, disponíveis em dois tamanhos diferentes.



O mobiliário Savannah vêm numa variedade de acabamentos de madeira escuros ou claros, e os compradores podem escolher entre as versões do tampo em madeira ou granito. Esta possibilidade de escolha é descrita como um claro contraste com a tendência de mármore, muito popular nos últimos anos.


A série Savannah apresenta materiais naturais escandinavos, de linhas simples e combinações acertadas.

ÓSCARES 2016 - RED CARPET


Que a noite dos Oscars é sempre um momento de grande produção e glamour, já todos sabemos, mas este ano os visuais foram incrivelmente fascinantes, de uma simplicidade fora do comum e uma elegância muito feminina, para lá do que era expectável.


Em cortes simples, fluídos e cores fortes, Olivia Munn encantou no seu Stella McCartney, Charlize Theron apaixonou no seu Dior Couture vermelho com um decote muito sensual e, a vencedora do prémio de melhor actriz, Brie Larson, mostrou sensualidade e jovialidade no seu Gucci.


Em tons mais claros e em vestidos trabalhados, os detalhes dos vestidos de Alicia Vikander (Louis Vuitton), de Cate Blanchett (Armani Privé) e de Daisy Ridley (Chanel Couture) foram as estrelas da noite pela sua delicadeza e sensibilidade.


Numa passadeira vermelha, que não dispensa a sua dose de brilhos, as actrizes Naomi Watts (Giorgio Armani Privé), Saoirse Ronan (Calvin Klein Collection) e Margot Robbie (Tom Ford), foram perfeitas sereias nos seus vestidos brilhantes, com cores de corais que lhes desenhavam de forma muito elegante as silhuetas.


Numa noite em que o branco foi escolha de várias celebridades, destacaram-se quatro actrizes que vestiram esta cor como ninguém. Olivia Wilde, num lindíssimo Valentino Couture; Priyanka Chopra, super elegante num Zuhair Murad; Rooney Mara, brilhou na sua escolha de Givenchy Couture; e finalmente, Lady Gaga, que surpreendeu vestindo Brandon Maxwell. Nem colorido, nem brilhante, nem branco, Julianne More foi estrela num modelo Chanel Couture que lhe acentuou toda a elegância, beleza e simplicidade que a tornam magnífica.


No que toca aos visuais masculinos, a elegância de um homem de smoking é quase indiscutível, e nesta passadeira o preto e branco é por norma a escolha de quase todos os convidados. Destacamos assim Leonardo DiCaprio, que para a sua grande noite escolheu Giorgio Armani; o pequeno Jacob Tremblay, a mini-estrela mais cobiçada de Hollywood, brilhante no seu Armani; e Eddie Redmayne, de uma elegância notável em Alexander McQueen.


Destacamos igualmente John Legend e Sam Smith, que actuaram nesta noite de prémios, assim como Dev Patel, elegante e mostrando que também de azul e preto se fez o guarda-roupa masculino nos Oscars.

 

E, este ano terminamos com beleza os nossos especiais Óscares, mas conte connosco, como sempre, para lhe dar as conhecer os premiados e vencedores de todas as cerimónias de cinema que não tardam voltam a dar que falar!

ÓSCARES 2016 - OS GRANDES VENCEDORES


E a grande noite dos Oscars finalmente chegou e, como seria de esperar, Chris Rock marcou a apresentação desta cerimónia com uma ironia inegável e sempre presente relacionada com a polémica que antecedeu estes prémios: o racismo no principal festival de prémios do cinema.


Uma das grades surpresas da noite foi a atribuição do prémio de melhor actriz secundária a sueca Alicia Vikander por "The Danish Girl". Outro dos momentos a destacar, foi a actuação de Lady Gaga com o tema "Til It Happens to You", que apela à quebra de silêncio no que toque aos abusos sexuais em ambiente académico, um tema sobre o qual o Vice-Presidente Joe Biden fez questão de falar na cerimónia, tendo sido aplaudido por todos quantos assistiram!


Se "Mad Max: Fury Road" foi um dos grandes vencedores desta noite de glamour e surpresas, premiado com 6 estatuetas, das suas 13 nomeações, mostrando o porquê de ter sido considerado um filme de excelência em termos técnicos, de produção e realização, a grande surpresa da noite foi a vitória de "Spotlight" na categoria de melhor filme.




Leonardo DiCaprio, como já se esperava, ganhou finalmente a estatueta na categoria de melhor actor. O discurso do actor apelou ao lado humano de todos os cidadãos, à importância de lutar pelos direitos humanos de todos! Um discurso emocionado, numa época em que as relações entre raças, povos e direitos são um tema extremamente presente e sensível.

 

Mais uma vez, não podemos deixar de congratular todos os vencedores e, obviamente a todos os nomeados, afinal de contas todos eram potenciais vencedores. Foi sem sombra de dúvida um ano de grandes filmes!

Para finalizar ... aqui ficam os vencedores em todas as categorias. E que venham mais sucessos cinematográficos!

Melhor Argumento Original - "Spotlight" Josh Singer e Tom McCarthy

Melhor Argumento Adaptado - "The Big Short" Charles Randolph e Adam McKay por The Big Short de Michael Lewis

Melhor Filme - "Spotlight"

Melhor Diretor - Alejandro G. Iñárritu "The Revenant"

Melhor Ator Principal - Leonardo DiCaprio "The Revenant" como Hugh Glass

Melhor Atriz Principal - Brie Larson "Room" como Joy "Ma" Newsome

Melhor Ator Secundário - Mark Rylance "Bridge of Spies" como Rudolf Abel

Melhor Atriz Secundária - Alicia Vikander "The Danish Girl" como Gerda Wegener

Melhor Filme de Animação - "Inside Out"

Melhor Filme Estrangeiro - "Saul fia" (Hungria)

Melhor Documentário em Longa Metragem - "Amy"

Melhor Documentário em Curta Metragem - "A Girl in the River: The Price of Forgiveness"

Melhor Curta Metragem - "Stutterer"

Melhor Animação em Curta Metragem - "Historia de un oso"

Melhor Banda Sonora - Ennio Morricone "The Hateful Eight"

Melhor Canção Original - "Writing's on the Wall" por Spectre – Jimmy Napes e Sam Smith

Melhor Edição de Som - "Mad Max: Fury Road"

Melhor Mistura de Som - "Mad Max: Fury Road"

Melhor Cenografia - "Mad Max: Fury Road"

Melhor Fotografia - "The Revenant" Emmanuel Lubezki

Melhor Caracterização - "Mad Max: Fury Road"

Melhor Guarda-Roupa - "Mad Max: Fury Road" Jenny Beavan

Melhor Edição - "Mad Max: Fury Road" Margaret Sixel

Melhores Efeitos Visuais - "Ex Machina"

Mas não ficamos por aqui, vamos voltar para lhe dar a conhecer o melhor da passadeira vermelha desta noite de glamour!

Até ja!

OSCARES 2016 - OS DETALHES DA CERIMÓNIA


A noite dos Oscares é, sem sombra de dúvida, um dos maiores momentos de glamour do ano. Ansiamos pelos looks escolhidos pelas actrizes e pelos actores mais aclamados do momento, pelos momentos de diversão sempre de grande e pomposa produção e claro, pelos grandes e dignos vencedores dos grandes prémios!


Vibramos com os momentos de humor, permitimos que a emoção se ocupe de nós nos discursos mais humanos e de consciencialização, vibramos com a excitação de ver os sorrisos, as lágrimas de felicidade e a emoção daqueles que seguimos no grande ecrã.

Este ano, pela segunda vez, o comediante Chris Rock subirá ao palco do Dolby Theatre para, entre muitas piadas e momentos inéditos, apresentar a cerimónia de domingo à noite. Conhecido por não ser parco em palavras e não ter problemas em exprimir a sua opinião em forma de "graçola", não faltaram certamente momentos de grande ironia e gargalhada.


Mas a noite dos Oscares é feita de muito mais... Há grandes surpresas para todos os presentes, vencedores e vencidos, estar nomeado já dá direito a "pequenos" mimos. Este ano, todos os nomeados à estatueta dourada receberão um pacote de presentes, cujo valor ronda os 200 mil dólares (cerca de 180 mil euros), pacote este que diz-se ser o mais caro de sempre.


Preparado pela empresa de Los Angeles, a Distinctive Assets, este simpático pacote inclui: uma viagem em primeira classe a Israel, uma viagem ao Japão, um vale vitalício de cremes para a pele da marca Lizora, chocolates, jóias, vinhos, sessões de treino com o personal trainer Jay Cardiello e ainda um ano de aluguer ilimitado de carros Audi. Para as senhoras há ainda mais uma surpresa, todas elas irão receber um brinquedo sexual e um tratamento inovador para aumentar o peito. Vale a pena estar nomeado não lhe parece?



Na lista de nomes de actuações e entrega de prémios, são muitos e bons os nomes que nela se encontram e nós, claro, partilhámos já consigo:

J.J. Abrams, Patricia Arquette, Abraham Attah, Cate Blanchett, Emily Blunt, Steve Carell, Henry Cavill, Priyanka Chopra, Louis C.K., Sacha Baron Cohen, Common, Russell Crowe, Benicio Del Toro, Chris Evans, Tina Fey, Morgan Freeman, Jennifer Garner, Whoopi Goldberg, Ryan Gosling, Louis Gossett, Jr., Kevin Hart, Lady Gaga, Dave Grohl, Quincy Jones, Byung-hun Lee, John Legend, Jared Leto, Rachel McAdams, Julianne Moore, Olivia Munn, Dev Patel, Eddie Redmayne, Daisy Ridley, Margot Robbie, Jason Segel, Andy Serkis, Sarah Silverman, J.K. Simmons, Sam Smith, Charlize Theron, Jacob Tremblay, Sofia Vergara, Kerry Washington, The Weeknd, Pharrell Williams e Reese Witherspoon.

A 88ª cerimónia de entrega dos Óscares realiza-se já no próximo domingo, dia 28, e como não poderia deixar de ser, nós cá estaremos para lhe dar a conhecer os grandes vencedores da noite!

OSCARES 2016 - OS PREMIADOS DA AWARD SEASON


Antes da grande cerimónia dos Oscars 2016, outros prémios são atribuídos. É muitas vezes nestas cerimónias que se dá inicio às apostas daqueles que poderão vir a ser ou não os grandes premiados da noite dos óscares! Para que nada lhe escape quando chegar a hora de dar o seu palpite, recordamos consigo os vencedores, nas mais variadas categorias, das principais e mais aclamadas cerimónias dedicadas ao cinema!


Para começar, recordemos então os vencedores dos Golden Globes 2016:

Melhor Filme de Drama - "The Revenant"
Melhor Filme de Comédia ou Musical - "The Martian"
Melhor Ator Principal num filme de Drama - Leonardo DiCaprio "The Revenant"
Melhor Atriz Principal num filme de Drama - Brie Larson "Room"
Melhor Ator Principal num filme de Comédia ou Musical - Matt Damon "The Martian"
Melhor Atriz Principal num filme de Comédia ou Musical - Jennifer Lawrence "Joy" 
Melhor Ator Secundário num filme - Sylvester Stallone "Creed"
Melhor Atriz Secundária num Filme - Kate Winslet "Steve Jobs"
Melhor Realizador de um Filme - Alejandro Gonzalez Iñárritu "The Revenant"
Melhor Argumento de um Filme - "Steve Jobs"
Melhor Filme de Animação - "Inside Out"
Melhor Filme de Língua Estrangeira - "Son of Saul" (Hungary)
Melhor Banda Sonora de um Filme - Ennio Morricone "The Hateful Eight"
Melhor Canção Original - "Writing’s on the Wall" de "Spectre"
Melhor Série de Televisão de Drama - Mr. Robot
Melhor Série de Televisão de Comédia ou Musical - Mozart in the Jungle
Melhor Mini-Série ou Telefilme - Wolf Hall
Melhor Atriz Principal numa Mini-Série ou Telefilme - Lady Gaga "America Horror Story: Hotel"
Melhor Ator Principal numa Mini-Série ou Telefilme - Oscar Isaac "Show Me a Hero"
Melhor Atriz numa Série de Drama - Taraji P. Henson "Empire"
Melhor Ator Principal numa Série de Drama - Jon Hamm "Mad Men"
Melhor Atriz Principal numa Série de Comédia ou Musical - Rachel Bloom "My Crazy Ex-Girlfriend"
Melhor Ator Principal numa Série de Comédia ou Musical - Gael Garcia Bernal "Mozart in the Jungle"
Melhor Atriz Secundária numa Série, Mini-Série ou Telefilme - Maura Tierney "The Affair"
Melhor Ator Secundário num Série, Mini-Série ou Telefilme - Christian Slater "Mr. Robot"



Entre os premiados para os prémios Bafta 2016, os vencedores não andaram muito longe dos da lista anterior em várias categorias:

Melhor Filme - The Revenant
Melhor Filme Britânico - Brooklyn
Melhor Realizador - Alejandro Gonzalez Iñárritu
Melhor Ator - Leonardo DiCaprio "The Revenant"
Melhor Atriz - Brie Larson "Room"
Melhor Ator Secundário - Mark Rylance "Bridge of Spies"
Melhor Atriz Secundária - Kate Winslet "Steve Jobs"
Melhor Documentário - Amy
Melhor Filme de Animação - Inside Out
Melhor Argumento Original - Spotlight
Melhor Argumento Adaptado - The Big Short
Melhor Filme Estrangeiro - Wild Tales
Melhor Banda Sonora Original - Ennio Morricone "The Hateful Eight"
Melhor Fotografia - The Revenant
Melhores Efeitos Especiais - Star Wars: The Force Awakens
BAFTA de Carreira - Sir Sidney Poitier



Foi nos prémios SAG Awards que as diferenças entre escolhas foi notória. Nas categorias apenas Leonardo DiCaprio e Brie Larson mantiveram os seus lugares, em todas as outras categorias, as opiniões foram distintas:

Melhor Elenco - Spotlight
Melhor Ator - Leonardo DiCaprio "The Revenant"
Melhor Atriz - Brie Larson "Room"
Melhor Ator Secundário - Idris Elba "Beasts of No Nation"
Melhor Atriz Secundária - Alicia Vikander "The Danish Girl"
Melhor Série de Televisão de Drama - Downtown Abbey
Melhor Série de Televisão de Comédia - Orange is the New Black
Melhor Atriz Principal numa Mini-Série ou Telefilme - Queen Latifah "Bessie"
Melhor Ator Principal numa Mini-Série ou Telefilme - Idris Elba "Luther"
Melhor Atriz numa Série de Drama - Viola Davis "How to Get Away With Murder"
Melhor Ator Principal numa Série de Drama - Kevin Spacey "House of Cards"
Melhor Atriz Principal numa Série de Comédia ou Musical - Uzo Aduba "Orange is the New Black"
Melhor Ator Principal numa Série de Comédia ou Musical - Jeffrey Tambor "Transparent"


E por fim, recordamos os prémios para melhor realizador, entregues pela Directors Guild, onde mais um vez Alejandro Gonzalez Iñárritu viu o seu trabalho ser premiado e destacado, aumentando as expectativas em relação à possível vitória de The Revenant:

Realizador Longa metragem - Alejandro G. Iñárritu The Revenant (20th Century Fox)
Estreia como realizador de cinema - Alex Garland Ex-Machina (A24)  
Realizador Série Dramática - David Nutter Game of Thrones , "Mercy das Mães" (HBO)
Realizador Série de Comédia - Chris Addison Veep "Election Night" (HBO)
Realizador Mini-série ou Telefilme - Dee Rees Bessie (HBO)
Realizador Documentário - Matthew Heineman Cartel Terra The Orchard; A & E Indie Films, Our Time Projects, The Documentary Group, Whitewater Films


Agora que a sua memória está fresca relativamente a premiados e vencedores, fique por aqui porque temos muito mais para lhe contar sobre o que vai acontecer no próximo dia 28. Amanhã trazemos-lhe as novidades sobre quem apresentará a cerimónia, quem vamos poder ver ao pormenor na entrega dos vários prémios e ainda... 

Não lhe vamos contar tudo hoje... Amanhã cá estaremos com mais novidades! :)