VIAGEM DE VERÃO 2018 EM DIRETO

As nossas Aventuras de Verão vão Voltar ...

FESTIVAL DE MÚSICA DE MARVÃO

Música para Todos mas com um ritmo bem diferente!

VIAGEM DE VERÃO 2018 EM DIRETO

Querem Vir Dar Uma Voltinha Connosco?

BELEZA DE VERÃO

Vai um Look Tropical?

ROCK IN RIO LISBOA 2018 EM DIRETO | DIA 4



03h00 Vintage Culture

E se o Rock in Rio Lisboa abriu em Português, fechou em brasileiro com o conhecido Lukas Ruiz Hespanhol ... ou mais propriamente o DJ Vintage Culture.

Conhecido pelas suas versões mais Trance de êxitos comerciais, este DJ seguiu a noite em ritmo mais acelerado, até chegar ao fim de uma hora de set com todos a pedirem mais ... e mais músicas.

Foi um Rock in Rio Lisboa 2018 que chegou ao fim, com muitos momentos memoráveis e bastantes sons e músicas descobertas, recordadas e cantadas a plenos pulmões.

Mais uma vez foi um êxito e foi reafirmada uma ideia que todos já sabem, mas nem todos se recordam: este é o maior festival de música do Mundo ... e merecidamente.

Porque não haveria este direto sem uma excelente organização, aqui fica toda a equipe de parabéns!

E porque a noite já vai avançada ... acabamos aqui o nosso Direto!



01h45 Rich & Mendes

A dupla de DJs é conhecida pela sua capacidade de pôr todos a dançar ... e foi isso mesmo que aconteceu.

Depois de um Diego Miranda que já tinha deixado uma audiência bem animada, esta dupla deu-lhe ainda mais energia e o bom ritmo da dance music invadiu o valeu que mais horas de música deu a esta Cidade do Rock de 2018. Dançou-se e vibrou-se com vários hits, e no final houve mais um momento de assinalar: uma homenagem ao Zé Pedro com os contentores a levar toda a assistência ao rubro!

Se este foi um final muito feliz, foi também a passagem para o último artista desta edição do Rock in Rio Lisboa ... e deste Direto também.






01h00 Katy Perry

E um furacão chamado Katy abateu-se sobre a Cidade do Rock. Foi o último espetáculo desta tour internacional que ela tem estado a fazer ... e foi digno disso tudo.

Um alinhamento que não deixou nenhum dos seus hits de fora, desde o mais antigo "Kissed a Girl" até ao "Fireworks" (que encerrou o concerto), passando pelas mais recentes do último álbum, Chained To The Rhythm, Hey Hey Hey e Swish Swish.

Houve pirotecnia, insufláveis e confetis, bailarinos, muitas mudas de roupa (todas elas incríveis) e cenografias incríveis. Ela falou português, disse que também era de ascendência portuguesa e disse que tinha de voltar mais vezes a Lisboa. Houve flamingos, tubarões, robots e bolas de basquetebol gigantes.

Katy Perry provou e comprovou a toda a gente (e não só aos seus fãs) porque é que é considerada um dos fenómenos Pop mais poderosos do momento da música mundial ... por que deu um espetáculo que todos contagiou e conquistou!

Em suma este foi um espectáculo digno do encerramente de mais uma edição do Palco Mundo no Rock in Rio Lisboa 2018 ... mas se este palco está encerrado, o Music Valley continua ... e por isso também nós, neste Rock in Rio Lisboa 2018 em Direto ... porque nós só pararemos quando a múscia acabar nesta imensa Cidade do Rock!


00h30 Diego Miranda

O DJ Português Diego Miranda foi quem sucedeu à eletrizante Blaya ... e conseguiu manter o ritmo de todos os que estavam no Music Valley.

Durante duas horas este DJ deu música a todos os que quiseram dançar ao bom ritmo de misturas mais comerciais, mas muito bem feitas. Hits remixados, sons familiares e muita batida foi o que fez mexer o Music Valley e todos os muitos que por lá passaram durante duas horas. E tanto se dançou que pareceu literalmente que o vale se mexeu mesmo ... e a bom ritmo!

Mas agora voltemos para o Palco mundo onde a muito pop Katy Perry está a dar um concerto de arrazar!




22h45 Jessie J

A britânica que há quatro anos espantou o Rock in Rio, voltou este ano e voltou a provar que é uma das melhores cantoras e show woman da cena musical internacional.

Entrou de bandeira nacional em punho, falou português, cantou canções novas, cantou canções que todos conhecíamos, mudou de roupa, e voltou melhor do que antes, flirtou com um guitarrista chamado Mateus, cantou ainda mais e fez a magia acontecer naquele imenso palco. Todos ficámos magnetizados pela grande artista, pela grande cantora e pela belíssima e siimpaticíssima mulher subiu ao mesmo palco de há quatro anos atrás e voltou a arrebatar tudo e todos, ou não tivesse acabado com um espetacular .

Mais uma vez Jessie J voltou a dar um concertão no Rock in Rio Lisboa ... e nós agradecemos, porque testemunhar momentos destes, não é tem preço ... ou como cantou ela, "Forget about the trice tag"!

Mas a música segue e é com um nome de relevo ...



22h35 Blaya

Logo a seguir ao jogo da Seleção e depois da derrota da nossa equipe, o primeiro artista a subir ao palco foi a muito portuguesa Blaya.

Raínha do Kuduro, ícone dos Buraka Som Sistema e dançarina exímia, Blaya assumiu esse papel com orgulho e deu um espetáculo energético e eletrizante. O seu papel era fazer todos voltar a um mood positivo e cheio de alegria ... e a sua música, mas sobretudo ela, enquanto artista, enquanto pessoa, conseguiu!

Foi um espetáculo digno desse nome, o que animou todos os que estavam no Music Valley.

E assim, com esta MC especial passámos dos artistas musicais para uma sessão de DJ's que vai durar noite dentro. Mas enquanto isso não acontece, voltamos ao Palco e espreitamos o que fez Jessie J com o humor nacional ... e voltaremos aqui a dizer tudo o que por lá se passou!



21h05 Jogo da Seleção

E toda a Cidade do Rock parou.

Com todos os ecrãs de todos os palcos, com todos os ecrãs sem ser dos palcos e muitos telemóveis a passar o Jogo da Seleção Nacional, a vibração de energia neste Rock in Rio foi incrível e de um apoio constante à Seleção Nacional.

Sofreu-se em conjunto, Celebrou-se o golo em conjunto, viram-se os últimos momentos numa aflição coletiva, e ficámos tristes em conjunto. Mas assim se parou a Cidade do Rock da Bela Vista, porque o Jogo da Seleção era Nacional e como tal dizia respeito a todos.

Mas duas horas de pois, a música volta ... e também o nosso direto, porque, ainda muitos decibéis, ritmos e melodias vão sair das colunas deste que é o maior festival de música do mundo!




19h00 Ivete Sangalo

E ao som da raínha do Carnaval Baiano subiu ao Palco Mundo e o Rock in Rio mostrou o quanto a adora.

Não houve uma edição de Rock in Rio Lisboa sem Ivete Sangalo e, segundo este público, ainda bem! Tirou-se o pé do chão, fez-se poeira, declarou-se amor por portugal (e pelos pasteis de nata, ou pelas laranjas do algarve) e, para loucura de todos, fez-se um dueto com a raínha do Axé, a grande Daniela Mercury (a canção de Daniela "o canto da cidade").

Foi mais um momento de espetáculo com a assinatura e a energia da incrível Ivete Sangalo.

Mesmo antes do início do Jogo da Seleção Nacional, foi um espetáculo que deixou tudo e todos elétricos ... e agora senhores, silêncio que a Seleção nacional vai jogar ... e todos os ecrãs da Cidade do Rock ficarão sintonizados ... e tudo vai sofrer em conjunto!


18h45 Paulo Flores

E pouco antes da Seleção Portuguesa entrar em campo o grande músico angolano Paulo Flores encerrou a música na Rock Street deste Rock in Rio Lisboa 2018.

Com a sua mestria, este clássico da música angolana e africana demonstrou que a experiência é um posto e uma carreira recheada de boa música é uma vantagem.

Assim encerraram os sons africanos na Rock Street ... mas Ivete Sangalo ainda não encerrou o seu concerto no Palco Mundo ... e nós vamos já para lá!



18h30 Carlão

E um dos mais respeitados e mais simpáticos músicos portugueses encheu o Music Valley de novos sons da música Portuguesa.

Com uma camisola da seleção nacional vestida, Carlão cantou e conquistou quem lá se estava. Foi um espetáculo ver, este energético músico e compositor, a comunicar tanto e tão bem com todo o público. Assim percebe-se porque é que é tão adorado.

Mas agora no Music Valley faz-se um intervalo para ver o jogo da Seleção ... mas ainda há música a sair das colunas do Palco Mundo ... e nós vamos até lá ... para trazer tudo cá!



18h00 Batuk

A energética banda Batuk, fez com que a Rock Street desta Cidade do Rock dançasse a bom ritmo.

Cheia de sons que cruzam o Rap e os ritmos africanos, esta banda deu um concerto que revelou novos caminhos da música africana contemporânea e não deixou ninguém indiferente. Afirmaram a sua música e aprveitaram para reafirmar algo que dizemos desde o primeiro dia: a Rock Street está a ficar um palco de música do mundo sério e com um cartaz que, a cada edição que passa, se está a tornar mais forte e interessante!

Aplausos para os Batuk, mas afora corremos até ao Music Valley, pois um grande senhor da música portuguesa está já a cantar ... Mr. Carlão is in the Valley!


17h30 DJ Isabel Figueira

E o prometido é devido: a senhora que se segue é a DJ Isabel Figueira.

Sim a conhecida apresentadora de televisão foi quem tomou conta do som das Pool Parties e deixou todos bem abalançados para o Music Valley aproveitar esta tarde de sol.

Foi um bom encerramento dos DJs das Pool Parties (se bem que a piscina continua a bombar som a cada intervalo do palco do Music Valley ... até ao sol desaparecer, claro.

Agora viramos as nossas atenções para a Rock Street ... porque a música nunca pára na Cidade do Rock!



17h15 Hailee Steinfeld

A jovem cantora americana Hailee Steinfeld foi quem abriu o Palco Mundo hoje.

Com uma carreira musical ainda muito curta, já conta com vários êxitos internacionais, e foi isso mesmo que demonstrou em palco. Esta jovam dançou com bailarinos, e conseguiu demonstrar ao público que pouca idade e profissionalismo são duas qualidades que a caracterizam.

Pena que o concerto só tenha sido de 6 canções ... mas foi uma boa abertura do palco principal da Cidade do Rock ... E como o prometido é uma senhora a que se segue aqui no nosso Direto ...


16h30 Selma Uamusse

Foi uma lisboeta de ascendência moçambicana, simpática e cheia de energia, que abriu os palcos deste quarto dia de Rock in Rio Lisboa 2018 e deste nosso Direto de hoje.

Com um som muito próprio, contemporâneo e africano, Selma Uamusse demonstrou a todos presentes a qualidade e a vitalidade da nova música africana. Fez com que todos dançassem e se rendessem aos sons africanos da sua música ... e que tivessem vontade de comprar o seu novo álbum que sai na próxima sexta (conforme anunciou em palco).

Foi uma boa abertura deste dia da Cidade do Rock. Mas porque a música não para, voltamos ao Music Valley e às suas Pool Parties para ver o DJ que se segue ... só podemos dizer que é uma senhora ... e conhecida ... e mais só daqui a pouco ... aqui no And This is Reality ...


14h30 Mr Big

Na realidade, ainda é cedo, mas a música já começa a mexer no Rock in Rio Lisboa 2018 ... e como tal, no nosso Direto também.

Em plena piscina do Music Valley o DJ Mr Big começa a fazer mexer os primeiros a chegar a este vale encantado por muita música. É o primeiro artista a atuar hoje, e a abrir os sons deste grande dia em Direto aqui no And This is Reality.

Mr. Big abreiu em grande, com um bom som de chill out que vem mesmo a calhar nesta piscina banhada a um sol abrasador. Depois da chuva de ontem, o Rock in Rio volta à versão que mais gostamos ... Sol, Calor e Boa Música.

Agora voltamos ao terreno e cruzamos até à Rock Street para ver o primeiro artista no primeiro palco do dia a abrir ... e já voltaremos com todos os detalhes!


13h00 E Tudo a Seleção Mudou

Pois é, estávamos quae a achar estraho, mas tudo está bem quando acaba bem: os horários dos concertos foram todos mudados, para permitir que os fãs pudessem assistir tranquilamente ao jogo da seleção sem perder pitada dos concertos!

Assim aqui ficam os novos horários dos vários palcos deste quarto dia de Rock in Rio:

PALCO MUNDO

23h00 KATY PERRY
21h15 JESSIE J
17h45 IVETE SANGALO
16h30 HAILEE STEINFELD

MUSIC VALLEY

01h30 VINTAGE CULTURE
00h30 RICH & MENDES
23h30 KARETUS
22h30 DIEGO MIRANDA
21h15 BLAYA
18h00 DJ FRANCISCO PRAIA
17h00 CARLÃO
16h00 DJ ISABEL FIGUEIRA
14h00 DJ BIG
12h00 DJ FRANCISCO PRAIA

EDP ROCK STREET

18h15 PAULO FLORES
17h00 BATUK
15h15 SELMA UAMUSSE


Estamos no último dia da nossa maratona musical em direto, e hoje, antes de nos dirigirmos à cidade do Rock, queremos deixar aqui um dos maiores êxitos desta edição: a Gaming Ring.

Este espaço tem sido um autêntico chamariz para o público dos jogos. Mais novos ou mais velhos, todos entram lá e se não são fãs de jogos, rapidamente ficam, pois este é um espaço muito bem conseguido.

Com testes de jogos, competições, atividades diversas, e muitas demonstrações, aqui aposta-se em envolver o público, em experimentar o novo e na espetacularidade destes video jogos, que rapidamente conquistam todos, graças a uns grandes ecrãs de uma resolução incrível.

É um dos sucessos desta edição do Rock in Rio e merece ser abertura de destaque do último dia deste imenso e intenso direto!

Mais logo chegamos à Cidade do Rock e traremos aqui nomes como Paulo Flores, Carlão, Ivete Sangalo e Katy Perry ... e muito muito muito mais!

ROCK IN RIO LISBOA 2018 EM DIRETO | DIA 3



03h00 Revenge of The 90s

Pois tal como anunciámos, o dia de hoje, no Music Valley encerrou com a conhecida, portuguesa e popular Revenge of The 90s e os seus convidados.

Entre o tema selva e muita música revival e inesperada, bem ao estilo destas famosas festas, hoje os convidados de honra foram os Haddaway Venga Boys, que não dececionaram ninguém e cantaram todos os seus hits dos idos anos 1990s.

Foi a música e o charme de outro século que fecharam o dia 3 deste Rock in Rio Lisboa 2018 em Direto ... mas não a maratona de música que temos estado a fazer. É que ainda falta o dia de amanhã ... e já faltam menos de 12 horas para estarmos em direto, novamente, aqui, em exclusivo para vocês, com tudo o que ainda vai acontecer na Cidade do Rock.

Por hoje fechamos com um muito 1990s ... Over and Out!




01h25 Chemical Brothers

E antes de falarmos da Revenge of The 90s, temos de falar do espetáculo de eletrónica do mais puro que existe, que os Chemical Brothers deram no encerramento de hoje do Palco Mundo.

Foi um palco mundo totalmente contagiante, com videos incríveis e um som absolutamente genial que aguentou tudo e todos noite dentro, depois de um dia recheado de momentos emotivos e de muita chuva. Se se julgava que os cabeças de cartaz saíam e levavam consigo o público ... desenganem-se esses que assim pensaram, porque os mestres da música eletrónica britânica chegaram, tocaram e conquistaram!

Mas sim, a última surpresa da noite ainda está para vir e é agora mesmo, depois da 1 da manhã, em pleno Music Valley ... dos 90s.

Não percam que dentro de pouco tempo traremos tudo aqui!


23h00 The Killers

Depois da apoteose que os Xutos & Pontapés deram a todos os que viram o concerto, o público estava preparado para o cencerto que se seguiu com os The Killers.

Raios Lazer, confettis, adereços de cenografia, novas luzes surpreenderam tudo e todos, já com um clima mais quente e menos diluviano. E assim foram duas horas de concertos com os fãs a vibrarem com os êxitos, cantarem em uníssono com a banda e um espetáculo bem pensado, como só os profissionais podem dar.

Foi um concerto que acabou com o famoso fogo de artifício do Rock in Rio ... que desta vez teve um sabor especial, pois foi mesmo no final do concerto!

Mas se os The Killers terminaram o seu concerto com o famoso Human e o icónico Mr, Brightside dos inícios dos 2000, pois o Music Valley está num mood um pouco mais atrás ainda com um dos maiores nacionais dos últimos tempos: a Revenge of The 90s.

E é por isso que vamos até lá, para ver como está o ambiente naquele "vale musical" que foi invadido pelo espírito dos idos tempos do século passado ...




21h00 Xutos e Pontapés

Há momentos que são dignos de um festival de música que se diz o maior do mundo ... e o concerto dos Xutos e Pontapés no Rock in Rio Lisboa 2018, foi um destes momentos.

Se há banda que o público português gosta é esta, pois pode fazer frio, pode chover, mas o público, com o Kalú, o João Cabeleira, o Gui e o Tim vibra de forma inigualável. Todos sabemos todas as músicas de cor, e quando se cantam determinados temas como o Homem do Leme, Não Sou o Único ou os Contentores, o delírio é garantido.

E quando o céu desabou, os Xutos terminaram numa homenagem a Zé Pedro incrível e inesquecível. Ao som da Minha Casinha, com o Presidente da República Marcelo Rebelo de Sousa em palco, o concerto terminou em absoluta apoteose, fazendo deste um dos momentos históricos desta edição.

Quando os Xutos acabaram o seu concerto, o Rock in Rio estava totalmente elétrico com a energia


20h40 Capitão Fausto

Os portugueses Capitão Fausto foram os que encerraram o cartaz de músicos de hoje no Music Valley.

Com uma chuva que voltou, este concerto foi próprio para fãs. Com várias das suas músicas a desfilar em cima do palco, a banda prendeu os seus fãs ao Music Valley de forma única. Até porque com a mítica música dos Xutos e Pontapés já ecoava por toda a cidade do Rock quando o som pop vintage dos Capitão Fausto chegou ao seu auge.

Mas outro momento especial está a acontecer em pleno Palco Mundo ... para onde vamos já já!


20h15 Moh! Kouyaté

E quando a chuva parou o mood mudou! Em pleno encerramento da Rock Street, o parisiense Moh! Kouyaté trouxe à cidade do Rock umas sonoridades novas. Sem dúvida alguma este artista apresenta uma música africana mais de autor, com uma acústica única e uma dimensão de proximidade musical muito grande.

Depois da Chuva a música tornou-se mais próxima e intimista ... e foi muito bom!




19h30 James

O mítico James acabou de deixar o anfiteatro do Palco Mundo mais seco.

Depois de começar debaixo de chuva, o britânico cantou e conquistou os que lá estavam. O resultado foi incrível e muitos já classificam como um dos melhores momentos do Palco Mundo até ao momento.

O profissionalismo, a simpatia, os muitos êxitos que a sua longa carreira já tem e um público muito fiel fizeram deste um concerto verdadeiramente magistral!

Mas se James acabou agora, o Music Valley já tem um novo nome sonante ... mas deles falaremos já a seguir!


19h00 Nástio Mosquito & Dzzzz Band

O energético Nástio Mosquito e a sua Dzzzz Band foram os senhores que se seguiram na nossa peregrinação entre palcos do Rock in Rio.

Com uma chuva ainda persistente, este verdadeiro artista angolano, trouxe à cidade do Rock uma música africana diferente e mais complexa, com uns tons mais alternativos e contemporâneos, a roçar o jazz, mas nunca deixando as suas raízes.

Foi uma boa descoberta esta, para quem ainda não conhecia e esteve pela Rock Street.

Mas boa música também é o que está a sair das colunas do Palco Mundo ... e é para onde vamos já a seguir!


18h30 Manel Cruz

E trazemos agora o primeiro artista português a subir a um palco deste dia 3 do nosso Rock in Rio Lisboa 2018 em Direto - o muito respeitado Manel Cruz.

Com uma carreira já longa, este cantor, musico e autor, voltou a demonstrar em palco, porque é que é um dos nomes mais respeitados da cena musical portuguesa. Com dois microfones, e vários instrumentos, Manel Cruz e a sua banda deram bom som aos vários que já se encontravam num molhado Music Valley.

Os Fãs deste antigo Ornatos Violeta foram resistentes. Contra chuva e vento, a resistência foi recompensada com boa música e uma energia e simpatia que impressionou quem assitiu.

Foi um bom concerto este, mas agora voltamos de novo à ROck Street onde o próximo concerto já deve estar mesmo a acabar e nós prontos para o relatar!



16h30 A'Mosi Just a Label

Pois a música já comeou a sair das colunas da Cidade do Rock. Como sempre é na Rock Street que começam os concertos do Rock in Rio Lisboa 2018 ... e desta vez é o artista do Kongo A'Mosi Just a Label.

Mais conhecido como Jack Nkanga, este artista africano abriu este segundo fim-de-semana de maratona musical, com sons quentes e uma voz muito característica. Assim começou este dia de Direto ... e vamos continuar, pois apesar de a chuva estar a chegar também aqui ... a música continua ... e o nosso Direto também!

Por isso, já estamos a ir para o Music Valley ... e para o português Manuel Cruz!





13h30 A Pop Parade

E nós já demos o pontapé de partida neste terceiro dia de Rock in Rio Lisboa em Direto 2018. Depois de hoje termos aberto o nosso artigo com o Pop District, agora trazemos aqui uma das novidades mais divertidas desta edição: a Pop Parade.

É o momento em que o Homem Aranha, os Avatar, Marilyn Monroe e Freddy Mercury se encontram e dançam e cantam em conjunto. Com uma coreografia bem ensaiada, fatos incríveis e uma produção digna de um bom espetáculo, esta parada de estrelas da cultura Pop é um momento digno de nota.

Mas para já, vamos até à Rock Street para vermos o primeiro concerto do dia ... e voltamos já com todas as novidades!


Pois é, o nosso grande direto do Rock in Rio Lisboa 2018, está de volta.

Nesta sexta-feira voltaremos a estar em Direto do Parque da Bela Vista em Lisboa para trazer aqui, em exclusivo para vocês que nos acompanham, todos os momentos musicais desta edição. É com muito orgulho que o fazemos e é ainda com mais orgulho que afirmamos que somos o único meio a fazer esta cobertura de TODOS os palcos de música do Rock in Rio.

Mas porque há mais palcos do que os de música, hoje abrimos este dia de Rock in Rio Lisboa 2018 em Direto, com o Pop District e o seu Palco Digital. Por aqui já passaram nomes tão diferentes como Marta Bateira (aka Beatriz Gosta), Diogo Faro (ou o conhecido "Sensivelmente Idiota"), Paulo Borges (ou seja, o famoso youtuber Wuant) ou César Mourão e Salvador Martinha. É um palco com um conceito novo, virado para as estrelas do mundo digital, para atrair novos fãs e acrescentar outro tipo de conteúdos a um festival de música que já é o maior do mundo. Tem sido um verdadeiro sucesso, ou não estivéssemos a falar da realeza nacional das redes sociais.

Mas voltemos então ao universo musical, e voltemos a este espírito muito próprio do Rock in Rio Lisboa 2018. É que o dia de hoje conta com nomes muito especiais como os Capitão Faustou ou a Revenge of the Nineties (no Music Valley), o Nástio Mosquito e a sua Dzzzz Band na popular Rock Street ou os The Killers, Chemical Brothers e os eternos Xutos no Palco Mundo.

Nós vamos lá estar ... e tu podes saber tudo por aqui!